sexta-feira, 2 de maio de 2014

Jardins em cobertura - Telhados Verdes II

De modo a simplificar a abordagem aos diferentes tipos de coberturas verdes, podem-se dividir em dois grupos, segundo a sua utilização, tipo de actividades e pisoteio: coberturas verdes extensivas e coberturas verdes intensivas.

Coberturas verdes extensivas são apropriadas para grandes áreas, recebendo apenas vegetação rasteira que requer menor manutenção e sem grande capacidade de carga. Não se destinam a serem espaços de lazer ou de contemplação estética, estando na maioria dos casos inacessíveis. A sua existência deve-se principalmente à criação de um espaço que possibilite o isolamento térmico da cobertura do edifício, podendo também servir como uma extensão da Natureza. 

As coberturas verdes intensivas estão preparadas para receber vegetação mais diversificada e actividades que exijam uma maior resistência da massa verde e uma maior manutenção do espaço. O uso e acesso a estes espaços consequentemente vai para além da inócua manutenção, sendo condicionados de acordo com a disposição e extensão da cobertura. A nível de desenvolvimento da massa vegetal, a camada de substrato necessária para receber plantas terá de ser superior a 15/20cm. Visto que as plantas inseridas neste tipo de coberturas têm tendência para crescer tanto em porte como em raiz, estas últimas têm de ser acomodadas confortavelmente.

  A escolha de plantas que integrem uma cobertura verde sustentável passa inevitavelmente por plantas que melhor se enquadrem ao clima do local onde a estrutura será instalada. Existe uma grande variedade de plantas autóctones disponíveis e adequadas para cada espaço verde sobre cobertura, contribuindo para a criação de um espaço agradável e ao longo prazo, com reduzidos custos de manutenção. 

A grande maioria das espécies usadas nos espaços verdes de cobertura, pertencem à flora de Portugal, tal como as do género Sedum, crassuláceas de folha carnuda que suportam situações com pouca disponibilidade de água. A extensão que atingem e os tapetes uniformes e preenchidos que criam, fazem desta, a planta mais usada em coberturas verdes.






Sem comentários:

Publicar um comentário